Colheita de Dados Conheça um dos jogos familiares mais divertidos e, por que não, saudáveis, do mundo dos tabuleiros: “Colheita de Dados”. Sim, estamos falando de um jogo simples, divertido e que envolve um monte de frutas e legumes. Mas não se engane, por trás dessas comidinhas simpáticas existem possibilidades de fazer esses jardins se tornarem pequenos campos de batalha. Cada jogador cuida de uma fazenda, com as combinações de dados se tornando possibilidades de mais frutas e legumes na sua plantação. O que não couber, vai para o porco, e isso pode ser uma vantagem cheia de poderes. Sem esquecer que você ainda vai poder aquecer o mercado diante de muita demanda e pouca procura. Parece complicado, mas Colheita de Dados faz tudo isso de um jeito simples e divertido, usando dados, canetas e alguns desenhos muito bonitinhos. No final, cada ficha ainda se torna uma grande salada de frutas. Portanto, é hora de colheita. 1 a 4 Jogadores 120 Minutos
Musa Sua musa está esperando por você. Em “Musa”, uma imagem vale mais que mil palavras, e nesse caso, as imagens ainda são um show à parte. Criado por Jordan Sorenson, o jogo é um daqueles exemplos “party games” onde a diversão é o foco e a beleza é o tempero necessário para criar um jogo imperdível. Seja com poucas pessoas ou até grupos de seis componentes, cada time precisa escolher sua musa e ela dar uma dica misteriosa para que o grupo consiga descobrir qual a imagem correta. Ser criativo e fazer com que a dica leve todos à obra de arte certa é o objetivo central de “Musa”. Grandes obras de alguns dos maiores ilustradores do mundo dos tabuleiros, diversão completa e uma bisca inesgotável por inspiração.
2 a 12 Jogadores
30 Minutos
Paladinos do Reino Ocidental Bizantinos de um lado, Sarracenos do outro e Vikings vindos dos “mares do Norte”, o Reino Franco Ocidental está em perigo, e o único modo de defende-lo é enfrentando essas ameaças em “Paladinos do Reino Ocidental”. Segunda parte da trilogia iniciada em “Arquitetos do Reino Ocidental”, “Paladinos do Reino Ocidental”, criado por Shem Phillips e S.J. Macdonald, é um mergulho nos turbulentos anos por volta de 900 d.C. Nele, cada jogador defende a cidade contra esses inimigos. E enquanto você constrói muros e fortificações, poderá ainda ter a ajuda dos heróis enviados pelo rei: Os Paladinos. Um jogo que envolve “posicionamento de trabalhadores”, mas também tem laminas afiadas e muita ação.
1 a 4 Jogadores
90 a 120 Minutos
Conquistadores de Midgard A jornada para se tornar o Jarl acabou. Agora é hora de partir para a ofensiva, migrar pelos mares em busca da glória através da pilhagem e da morte de seus inimigos. Castelos fortificados, vilas e monstros marítimos não impedirão seu sucesso. Continuação de Campeões de Midgard (“Champions of Midgard”), Conquistadores de Midgard mantêm o clima do primeiro jogo, mas expande a experiência. Sua tripulação ainda pode contar com um guerreiro de elite, ora para um movimento único, ora para melhorar ainda mais os guerreiros que estão com você nessa viagem. Em Conquistadores de Midgard, mais do que se tornar o Jarl, agora é hora de você colocar seu nome nos livros de histórias através de suas conquistas sem precedentes.
2 a 4 Jogadores
75 a 90 Minutos
COPYRIGHT MOSAICO JOGOS